Novo golpe na praça

Dizem que tudo começou a dar errado no Brasil quando a seleção tomou o 7 a 1 da Alemanha, na Copa do Mundo, em casa.

Eu tenho minhas dúvidas. Acho que o país começou a degringolar quando a – por mim, temida – cordinha de óculos se tornou um acessório fashion e cultuado pelos que se consideram hipsters.

Estamos indo de mal a pior. A crise política não tem precedente. O presidente ilegítimo é reprovado por 95% da população e, como bem disse o Sensacionalista, os 5% que ainda aprovam o desgoverno são ministros. 

O meu estado, o Rio de Janeiro, não paga o salário dos servidores públicos, que por sua vez precisam enfrentar filas para garantir uma cesta básica. Enquanto isso, o governador curte uns dias de relax num spa, com o 4g desligado, fazendo cosplay de Maria Antonieta. 

O nosso Congresso é pífio, vergonhoso, com uma penca de deputados e senadores citados na Lava-Jato. A economia tá no chão. A fome voltou e a nova classe C já ficou no passado. A sensação é de fundo do poço. Luz no fim do túnel? Parece que até a lâmpada de led pifou. 

A gente assiste a tudo isso sem nem saber o que dizer. Meio em choque, meio atônito. Mas, pera aí! Já tá tudo tão complicado… Por que ainda temos que enfrentar a ascensão e a ‘hipsterização’ da cordinha de óculos? É isso mesmo. Da cor-di-nha de óculos! 

Se você não está familiarizado, pensa no seu avô ou na sua avó, que provavelmente andavam com os óculos pendurados no pescoço, presos com uma cordinha de náilon ou de plástico. Agora imagina essa cordinha toda colorida, trançada, transada, estampada e caríssima.

Em uma rápida pesquisa no Instagram, vi uma cordinha de óculos azul bic custando R$ 82,00. O frete não está incluído. Juro. E os tempos são de crise! Por favor, a gente precisa driblar a letargia geral que tomou conta do país, levantar do sofá e parar agora mesmo esse golpe da cordinha de óculos hipster. Antes que seja tarde.

Isso é cafona. Demasiadamente. Não valoriza nenhum visual… Sem contar a extorsão… Tudo que os moderninhos tocam triplica de preço. Gentrificação!!! Imagina se o seu avô pagaria mais de R$ 80 numa cordinha de óculos. Se bobear, as Óticas do Povo devem até dar de cortesia aquelas cordinhas pretas old school.

Portanto, faço um humilde apelo neste humilde espaço da internet. Não caia no golpe da cordinha de óculos hipster. Já caímos em muitos golpes ultimamente e a nossa sã consciência não pode ser destruída assim tão fácil. Me ajuda aí e vê se pendura seus óculos na gola da camisa mesmo. Quanto mais simples melhor.



Marcela Capobianco

Marcela é jornalista e atriz. Gostaria de ter vivido os anos 60 e 70 mas muda de ideia rapidamente quando lembra que não existiam WhatsApp nem Instagram. Tagarela, boa de papo e de copo, certa de que qualquer fato corriqueiro pode se transformar num texto saboroso. Marcela escreve às quintas.


'Novo golpe na praça' tem 1 comentário

  1. 28 de julho de 2017 @ 08:11 Regina Capobianco

    Minha querida, desculpe por ñ ter lido ontem seu texto, vc presenciou q o dia foi cheio de trabalhos!!! Excelenteeeee! Mandou mtooooo!

    Responder


O que você achou desse texto?

Your email address will not be published.

© 2009 Cena Seguinte