Política

1

Novo golpe na praça

Dizem que tudo começou a dar errado no Brasil quando a seleção tomou o 7 a 1 da Alemanha, na Copa do Mundo, em casa. Eu tenho minhas dúvidas. Acho que o país começou a degringolar quando a – por mim, temida – cordinha de óculos se tornou um acessório fashion e cultuado pelos que…

0

Todo dia é dia de luta

Nasci em 1990, cresci nos anos 2000, com amplo acesso a cultura, educação de qualidade, internet, viagens pelo mundo. Sou uma mulher adulta em 2017. Tenho consciência de que sou privilegiada. Porém, frequentemente tenho a sensação de viver em 1923. Ou 1884. Ou 900 a.C. Eu moro numa cidade grande e, assim como quase todas…

1

Pesadelo da vida real

Eu desço as escadas da Fundação Casa de Jorge Amado e, em sincronia com os meus pés descalços tocando a pedra lisa, os primeiros acordes de ‘O canto da cidade’ ecoam pelas paredes coloridas do Pelourinho. Eu uso um vestido vermelho com babados nas pontas e peso dez quilos a menos. Os pneuzinhos são quase…

0

Presentinho pro futuro

Filha, papai te ama. E hoje no seu aniversário eu vou te dar um presente muito legal. É maior do que tudo que você já me pediu nesses seus sete aninhos de vida. Talvez demore pra chegar, talvez nem chegue embrulhado, é pro seu futuro. O nome dele é impeachment. É um presente e tanto, meu…

2

Um grito pro futuro

Alô, futuro, tá me ouvindo? Eu não te ouço bem, mas vou falar assim mesmo. Aqui em 2016 tá muito difícil tentar prever alguma coisa. O noticiário tá que nem uma série boa da Netflix. Se o espectador pisca por um segundo, perde metade da história. E que história. Velha, de mais de 500 anos,…

3

Um pesadelo chamado Troncal

Alguns manuais de roteiro definem a razão de existir uma história de filme ou série com um frase bem simples: “estava tudo calmo até que”. Tipo, um menino que morava num quartinho debaixo da escada dos tios opressores começa a receber cartas trazidas por corujas. Um transatlântico navegava placidamente pelas águas do Atlântico até topar…

0

Culpa cristã

Fingi que não vi o cara que me pedia dinheiro na porta do shopping. Ninguém prestava atenção no que ele falava, nas coisas que ele pedia. Fingi que não vi quando ele veio falar comigo. Mal falava, grunhia algumas palavras, parecia pedir por comida. Voltei pra casa me sentindo a pessoa mais egoísta e ruim que existe, me…

2

Aqueles merdas

“A sociedade está doente. Os valores se inverteram. O país tá em crise. A presidente é uma vergonha. A carne aumentou. A gasolina também. O prefeito vai tirar as linhas de ônibus da zona sul. Vão aumentar os preços do Zona Sul. Eu tô chocado. Cadê a sociedade? Ninguém vai às ruas nesse país. A sociedade está doente….

1

Reunião de cúpula

Janeiro de 2015 no setor de problematização do Estado. A reunião começa aos gritos. A entressafra dos eventos esportivos fez que com que este ano a falta de assunto nacional fosse mais urgente. Por isso, a sala estava cheia. Tinha quórum, como costumam dizer. Os já costumeiros homens sérios dividiam lugar com alguns publicitários extras. O clima…

© 2009 Cena Seguinte